Archiprix Portugal
Portugues English
ÍNDICE PROJETO
NOMEADO
CONSTRUIR NA CIDADE E PARA A CIDADE
Universidade Lusíada de Lisboa

PROPOSTA PARA UM VAZIO ENTRE DUAS REALIDADES: AVENIDA FONTES PEREIRA DE MELO E RUA ACTOR TASSO
realizados no último ano, e a Avenida Fontes Pereira de Melo o palco dos pensamentos em torno do tema – construir na cidade e para a cidade. O projecto que se apresenta é uma proposta para um lote vazio entre dois edifícios, situado entre a Avenida e uma rua secundária.
O lote existente era de facto um vazio entre dois edifícios de grande altura, como muitos outros na Avenida, e o grande desafio para este espaço seria criar uma ligação entre a Avenida Fontes Pereira de Melo e a Rua Actor Tasso, lado nascente do lote, que existem nesse ponto a cotas diferentes e com um desnível de cerca de 15 metros. Estes 15 metros de diferença seriam, então, a razão para a criação de um percurso público que ligasse as duas realidades, respondendo, assim, ao “construir na cidade e para a cidade”, enquanto resposta a uma necessidade urbana.
A Avenida F.P.M. e a Rua Actor Tasso são duas realidades distintas entre si e, ao mesmo tempo, muito próximas uma da outra. A Avenida é o espaço urbano de maior intensidade e a Rua um espaço bastante mais tranquilo e onde se percebe uma outra escala, mais contida e que contrasta com a escala da Avenida. O lote vazio seria o espaço que iria colocar essas duas realidades em diálogo.

Para além do principal objectivo de criar um percurso público de ligação entre estas duas realidades urbanas, foi apresentado um programa coerente com as necessidades do espaço da cidade de lisboa e, ao mesmo tempo, complexo do ponto de vista das relações entre as partes, como, por exemplo, a gestão da relação entre espaço público e espaço privado.

ESPAÇO PÚBLICO
▪Percurso público de ligação entre a avenida e a rua ▪Cinema ▪4 espaços comerciais ▪Garagem automóvel

ESPAÇO PRIVADO
▪Hotel de 4estrelas ▪Apartamentos de luxo ▪Garagem automóvel

A ideia foi materializar o principal objectivo do projecto, unir/ligar a Avenida F.P.M e a Rua A. Tasso, e tornar essa primeira permissa na regra sobre a identidade formal do novo espaço e sobre toda a sua organização programática.
Depois de criada essa regra, todo o projecto se desenvolve a partir da relação com o existente e da organização do percurso público.