Archiprix Portugal
Portugues English

a industria impressa na cidade de Lisboa, em evidência nos vales e orla ribeirinha, e a respetiva localização do projeto.
a industria impressa na cidade de Lisboa, em evidência nos vales e orla ribeirinha, e a respetiva localização do projeto.

a estrutura edificada que colmata o conjunto industrial, a norte, e suporta as preexistências industriais, a sul.
a estrutura edificada que colmata o conjunto industrial, a norte, e suporta as preexistências industriais, a sul.


unidade de trabalho e unidade habitacional respectivamente.
unidade de trabalho e unidade habitacional respectivamente.

materialização do pensamento.
materialização do pensamento.

o percurso interior do edifício de colmatação culmina nesta perspetiva com o reflexo da chaminé da fábrica que remete para a identidade deste território.
o percurso interior do edifício de colmatação culmina nesta perspetiva com o reflexo da chaminé da fábrica que remete para a identidade deste território.




ÍNDICE PROJETO
NOMEADO
IMPRESSO NO VALE
Universidade de Lisboa -
Faculdade de Arquitectura

No âmbito do Projeto Final de Mestrado, foi abordado o tema: Reutilização de Espaços Industriais, no território do Vale de Chelas. Neste é perceptível a presença de edifícios com carácter patrimonial caracterizadora e, após o seu abandono, indutora de uma desintegração com o tecido da cidade.
O passado industrial impresso no vale, como memória que o tempo não apagou, está presente num território rural que atualmente se encontra dentro da cidade. Este funciona como mote às premissas do projeto que à escala urbana são pautadas pela consolidação.
A leitura deste território levanta a necessidade de consolidação da Estrada de Chelas que ao longo do tempo foi perdendo o seu carácter de rua, de forma a constituir uma comunicação deste vale, com o rio Tejo e com o resto da cidade.
O projeto, que se debruça sobre as preexistências industriais da antiga fábrica de tecidos - a Tinturaria Portugália, à escala arquitetónica, procura dar-lhe um novo uso, valorizando os seus elementos no quadro do património industrial, bem como colmatar o conjunto industrial que se gerou em seu redor através de uma nova estrutura edificada do lado norte.
A materialidade e detalhe deste projeto tem por base os processos de sobreposição de usos que foram reutilizando estes elementos industriais preexistentes permanecendo ao longo do tempo por oposição ao seu interior praticamente extinto.